Engenhar ideias, produzir soluções!

Gestão da Produção

Análise de Layout

Chegou a hora de colocar a sua empresa em ordem!

A Análise de Layout “é a preocupação com a localização física dos recursos de transformação, ou seja, a decisão de onde colocar todas as instalações, máquinas, equipamentos e pessoal da produção.” SLACK et. al (2002).

Empresários que não aderem a Análise de Layout vivenciam:

  • Crescimento de “qualquer jeito” da empresa, sem uma devida organização
  • Dificuldade de movimentação pela empresa
  • Perda de tempo produtivo para encontrar ferramentas ou maquinários
  • Perda de subprodutos em estágios da produção
  • Problemas relacionados à ergonomia

A Análise de Layout quando efetivada traz os seguintes benefícios:

  • Otimização do espaço
  • Organização dos materiais quanto às suas utilidades (priorizando os de maior saída)
  • Aproveitamento de ferramentas e máquinas já existentes
  • Expansão da linha produtiva

Gestão de Estoques

Ter estoques exagerados é coisa do passado, gerencie seus estoques!

A Gestão de Estoques consiste na utilização de metodologias para estudo e análise de estoques a fim de se determinar a melhor forma de disposição e controle do mesmo, visando atingir um ponto ótimo em eficiência e eficácia.

Empresas que não fazem a Gestão de Estoques vivenciam:

  • Um estoque com poucas unidades dos produtos mais vendidos e cheio de itens que vendem pouco.
  • Não conseguem atender a demanda de produtos
  • Perdem produtos em seu estoque (validade ou extravio)

Benefícios de um projeto de Gestão de Estoque:

  • Controle mais assertivo, reduzindo as incertezas sobre o futuro
  • Evitar superdimensionamento
  • Redução de custos
  • Suporte para tomada de decisões

Lean Manufacturing

Já pensou em converter desperdícios em lucro?

O Lean Manufacturing ou produção enxuta tem como princípio a eliminação dos desperdícios de uma empresa através da criação de um fluxo contínuo de operações. Diversas ferramentas são empregadas para alcance dos resultados esperados, dentre elas o Mapeamento do Fluxo de Valor, e outras como: 5s, Métricas Lean, Redução de Setup, Kaizen, Kanban, Padronização, TPM, e Gestão Visual.

Empresas que não implantam o Lean Manufacturing vivenciam:

  • Movimentação de pessoas inadequada na empresa
  • Produtos defeituosos
  • Processos extremamente burocráticos
  • Excessos de estoque

Os resultados obtidos com a implantação do Lean implicam:

  • O aumento da capacidade de oferecer os produtos que os clientes querem
  • Velocidade para sanar a demanda
  • Custos diminuídos
  • Qualidade superior de produtos
  • Lead times mais curtos, garantindo maior rentabilidade para o negócio.

Planejamento e Controle da Produção

Em tempos de competição acirrada, Planejamento e Controle da Produção se traduz em competitividade!

Em um mercado onde existem mais ofertantes de um serviço do que demandantes, alguns conseguirão colocar seus produtos e outros não. O que fará a diferença entre os concorrentes será a capacidade maior ou menor de oferecer aos clientes aquilo que mais lhe interessam. Desta maneira, o PCP se sobressai por ajudar a planejar, programar e controlar a produção, auxiliando a empresa a alcançar os índices de produtividade e qualidade que o mercado exige.

Empresas que não fazem o Planejamento e Controle da Produção vivenciam:

  • Falta de planejamento para suprir suas necessidades futuras
  • Priorização de processos improdutivos
  • Não conseguem informar corretamente a situação corrente dos recursos.
  • Não conseguem acertar prazos

O Planejamento e Controle da Produção propicia:

  • Suportar planejamento estratégico do negócio.
  • Planejar a capacidade produtiva da empresa
  • Administrar materiais
  • Garantir que os planos sejam realísticos.
  • Gerenciar as mudanças de forma eficaz.
  • Avaliar o desempenho.

Simulação da Produção

É hora de inovar sua linha de produção, sem medo de errar!

Simular a Produção permite testar diferentes processos sem a necessidade de interromper o sistema real, pois seria inviável parar as linhas de produção com objetivo de implantar algo novo. Desta maneira, resultados de novos maquinários e métodos podem ser testados sem reduzir a capacidade de produção.

Empresas que não Simulam sua Produção vivenciam:

  • Tomadas de decisão sem uma previsão
  • Assumem riscos não planejados
  • Elevados esforços e custos para implantações de diferentes processos

Vantagens de Simular a Produção:

  • Baixo custo
  • Elevada confiabilidade
  • Respostas rápidas para tomada de decisão
  • Previsão de riscos associados às mudanças propostas
  • Análise de gargalos
  • Podem-se ter ideias sobre a interação e importância de determinadas variáveis no sistema